History of Continental AG
© Continental AG

História

Fundada em 1871, em Hanôver na Alemanha, a Continental pode olhar para trás e ver uma história de sucesso. Ajudamos pessoas em todo o mundo a concretizar as suas ideias de mobilidade. As nossas tecnologias, sistemas e soluções de assistência tornam a mobilidade e o transporte mais sustentáveis, mais seguros, mais confortáveis, mais personalizados e mais acessíveis. Como fornecedor da indústria automóvel e parceiro industrial, disponibilizamos soluções que ajudam as pessoas a sentir-se mais seguras e saudáveis, ajudam a proteger o ambiente e proporcionam mais oportunidades para moldar o seu próprio futuro. Os funcionários da Continental por todo o mundo estão atualmente a desenvolver novas respostas para o futuro da mobilidade.

1871
1899

    História da empresa

    Close
    Continental Company History

    1871

    A Continental Caoutchouc und Gutta-Percha Compagnie é fundada em Hanôver a 8 de outubro, como uma sociedade anónima. A produção da principal fábrica, na rua Vahrenwalder, incluía produtos de borracha suave, tecidos revestidos de borracha e pneus maciços para carruagens e bicicletas.

    Continental workers


    História da empresa

    Close
    1882

    1882

    O cavalo galopante é adotado como marca registada.

    Continental workers


    História da empresa

    Close
    1892

    1892

    A Continental é a primeira empresa alemã a fabricar pneus pneumáticos para bicicletas.

    Continental workers


    História da empresa

    Close
    Continental workers

    1898

    É iniciada a produção de pneus pneumáticos para automóveis sem padrão do piso em Hanover-Vahrenwald.

    Continental workers


1900
1914

    História da empresa

    Close
    Continental airship

    1900

    O primeiro dirigível alemão, o LZ 1, utiliza material para balões da Continental para selar os sacos de gás.

    Continental historic building


    História da empresa

    Close
    1901

    1901

    O primeiro carro produzido pela Daimler, com o nome de Mercedes, alcança uma sensacional vitória na corrida de carros Nice-Salon-Nice com os pneus Continental.

    Continental historic building


    História da empresa

    Close
    1904

    1904

    A Continental apresenta o primeiro pneu para automóveis do mundo com um padrão de piso.

    Continental historic building


    História da empresa

    Close
    Continental historic worker

    1905

    A Continental produz pneus rebitados antiderrapantes, um precursor dos pneus com pregos de aço. A imagem mostra um anúncio de pneus com pregos dos anos 60.

    Continental historic building


    História da empresa

    Close
    Continental historic rim

    1908

    A Continental inventa o aro removível para sedãs—uma inovação notável que ajuda a poupar tempo e esforço ao mudar um pneu.

    Continental historic building


    História da empresa

    Close
    Airplane flys over water

    1909

    ​​​​​​​Louis Blériot, um aviador pioneiro, faz história ao concluir o primeiro voo sobre o Canal da Mancha. É utilizado material da Continental Aeroplan para cobrir a fuselagem e as asas do seu avião. Espécimes de borracha sintética, desenvolvidos nos laboratórios da Bayer, são vulcanizados com sucesso na Continental e são processados para realizar os primeiros pneus de teste.

    Continental historic building


    História da empresa

    Close
    1913

    1913

    A primeira edição da revista do cliente “Echo Continental” é publicada e inclui contribuições de jovens autores como Erich Maria Remarque e artistas como Paul Kaufmann (cujo nome artístico era Caspari).

    Continental historic building


    História da empresa

    Close
    1914

    1914

    Tripla vitória no Grand Prix de França para carros da Daimler equipados com pneus Continental.

    A Continental tem um efetivo de 12 000 trabalhadores na fábrica principal.

    Continental historic building


1915
1932

    História da empresa

    Close
    Continental Cord Tires

    1921

    No 50º aniversário da Continental, esta torna-se a primeira empresa alemã a lançar o pneu com cordões no mercado. O tecido de linho duro tecido num padrão quadrado é assim substituído pelo tecido mais flexível com fibra em cordões. A Continental é a primeira empresa a fabricar pneus pneumáticos de grande diâmetro, os quais substituem os pneus maciços usados até essa altura nos veículos comerciais.

    Continental historic production site


    História da empresa

    Close
    1926

    1926

    A fuligem é usada como material de enchimento para aumentar a resistência do pneu contra o desgaste e o envelhecimento, dando-lhe também a sua cor característica.

    Continental historic production site


    História da empresa

    Close
    1928

    1928/29

    Surge a Continental Gummi-Werke AG através da fusão com grandes empresas da indústria de borracha alemã. 

    Aquisição de fábricas em Hanover-Limmer e Korbach/Hesse, mostradas acima.

    Continental historic production site


    História da empresa

    Close
    Milestone 1932

    1932

    A Continental comercializa um agente de união borracha-metal com o nome comercial registado Continental Schwingmetall. Este agente absorve os embates e reduz o ruído no suporte do motor.

    Continental historic production site


1933
1945

    História da empresa

    Close
    Convocatória da fábrica, em maio de 1942

    1933

    Entre 1933 e 1945, a Continental torna-se um fornecedor importante para a indústria de armamento e de guerra do regime nazi. A empresa abandona o liberalismo como cultura, tornando-se num exemplo de empresa nazi.

    Damaged production site

    Após a ascensão do nazismo ao poder, a cultura empresarial na Continental muda: de uma empresa liberal e internacionalizada com uma forte presença sindical torna-se num modelo de empresa nazista. A ideologia nazista de lealdade é celebrada durante as convocatórias da fábrica, por exemplo, nas ocasiões de  celebrações do Dia de Maio ou no recém-criado jornal da empresa. Por força das novas condições políticas, os membros do Conselho de Fiscalização e Conselho de Administração de origem judaica são obrigados a apresentar a demissão ou a renunciar à reeleição.

    Convocatória da fábrica, em maio de 1942

    Bandeiras de propaganda no edifício administrativo.

    Campanha contra o desperdício de material

    • Convocatória da fábrica, em maio de 1942
    • Bandeiras de propaganda no edifício administrativo.
    • Campanha contra o desperdício de material


    Antes mesmo do início da Segunda Guerra Mundial, a Continental fabrica produtos para a indústria do armamento. Inicialmente, contudo, este negócio desempenha apenas um papel secundário. O foco principal da empresa é a produção de inúmeros bens de consumo para o uso diário. Além dos pneus, os produtos incluem chupetas, brinquedos, luvas e solas de borracha, bolas de futebol e de ténis, além de bolsas de água quente e compressas cirúrgicas.

    O Plano Quadrienal Nacional Socialista cria uma rede de pequenas, médias e grandes empresas altamente especializadas, que são ou altamente especializadas ou trabalham na produção técnica de alto volume, como é o caso da Continental. Enquanto indústria fornecedora, essas empresas formam a espinha dorsal da economia de guerra nazista e constituem um fator determinante no seu sucesso inicial. A Continental integra-se perfeitamente à economia de guerra nazista e muda o seu foco para os produtos essenciais de  armamento. A empresa produz pneus para automóveis de passageiros, camiões, motociclos, bicicletas e aviões, máscaras de gás, correias trapezoidais, solas de sapatos e esteiras para carros de combate. A empresa lucra consideravelmente com a política de mobilização e armamento nazista.

    Produção de tanques para aeronaves na fábrica de Korbach.

    Produção de pneus na fábrica de Korbach.

    Publicidade, 1942.

    • Produção de tanques para aeronaves na fábrica de Korbach.
    • Produção de pneus na fábrica de Korbach.
    • Publicidade, 1942.


    Durante a guerra, o trabalho diário é marcado pela coerção para apresentar bons desempenhos, horários de trabalho alargados, até 60 horas semanais, e pressão para atingir as metas de produção exigidas. Nestes anos, a Continental também recorre ao trabalho forçado nas áreas de  produção. As condições de trabalho e de vida de cerca de 10 000 pessoas, incluindo trabalhadores contratados belgas e dinamarqueses, prisioneiros de guerra franceses, trabalhadores forçados holandeses, trabalhadores da Europa Oriental e prisioneiros de campos de concentração, são desumanas.

    Até ao fim da guerra, as fábricas da Continental são alvo de intensos ataques aéreos. A fábrica-mãe em Hanover-Vahrenwald está praticamente toda destruída.


    A Continental encomendou um estudo científico abrangente sobre o envolvimento da empresa com o regime nazista. O estudo foi desenvolvido pelo historiador corporativo Professor Paul Erker e intitula-se "Zulieferer für Hitlers Krieg. Der Continental-Konzern in der NS-Zeit” (O Fornecedor da Guerra de Hitler. O Continental Group no Período Nazista)” É publicado em alemão (em inglês no ano de 2022) por de Gruyter Oldenbourg​​​​​​​

    Ligação para PM


1946
1959

    História da empresa

    Close

    1950

    A Continental tem um efetivo de 13 500 trabalhadores na fábrica principal. As vendas anuais alcançam os 309 milhões de marcos alemães, o que corresponde a cerca de 158 milhões de euros.

    Continental historic production


    História da empresa

    Close
    Continental steel cord

    1951

    É iniciada a produção de correias transportadoras de cabos de aço.

    Continental historic production


    História da empresa

    Close
    1951-55

    1951 - 55

    Em estreita colaboração com a Daimler-Benz e a Porsche, a Continental repete os seus sucessos pré-guerra nas corridas de carros. A conduzir carros equipados com pneus Continental, pilotos como Karl Kling, Stirling Moss e Juan Manuel Fangio vencem o Carrera Panamericana de 1952 e os Grand Prix de França, Inglaterra, Holanda e Itália.

    Continental historic production


    História da empresa

    Close
    1952

    1952

    A Continental adiciona os pneus M+S (mud and snow - lama e neve), para condução no inverno, à sua gama de pneus convencionais.

    Continental historic production


    História da empresa

    Close
    1955 2

    1955

    A Continental é a primeira empresa a desenvolver molas pneumáticas para camiões e autocarros. A Continental é a primeira empresa alemã a fabricar pneus sem câmara-de-ar.

    Continental historic production


1960
1974

    História da empresa

    Close
    1960

    1960

    É iniciada a produção em massa de pneus radiais.

    Continental automatic driving


    História da empresa

    Close

    1966

    A Continental tem agora um efetivo de 26 800 trabalhadores. As vendas anuais alcançam os 1,1 mil milhões de marcos alemães, o que corresponde a cerca de 562 milhões de euros.

    Continental automatic driving


    História da empresa

    Close
    dat1967

    1967

    Abertura da instalação de testes de pneus Contidrom na urzeira de Lüneburg.

    Continental automatic driving


    História da empresa

    Close
    1971

    1971

    São edificadas as maiores instalações de fabrico de mangueiras na Europa na fábrica de Korbach. Toda a produção de mangueiras é transferida de Hanôver para Korbach.

    Continental automatic driving


    História da empresa

    Close
    1972

    1972

    A Continental lança o pneu de inverno sem pregos Conti-Contact.

    Continental automatic driving


    História da empresa

    Close
    1974

    1974

    A Continental é o primeiro fabricante a fornecer tubagens de poliuretano moldadas por sopro e extrusão à indústria automóvel europeia.

    Continental automatic driving


1975
1987

    História da empresa

    Close
    1976

    1976

    Em Northeim, é colocada em funcionamento uma das maiores linhas de produção de correias transportadoras na Europa.

    Continental Brands


    História da empresa

    Close
    1979

    1979

    A aquisição da empresa europeia de pneus Uniroyal, Inc., EUA, fornece à Continental uma maior base na Europa (fotografia: fábrica de Aachen).

    Continental Brands


    História da empresa

    Close
    1983

    1983

    Os “hidrosuportes” Continental—elementos de suporte especiais utilizados na conceção de motores para amortecimento de vibrações e ruído— são produzidos em massa para a indústria automóvel.

    Continental Brands


    História da empresa

    Close
    1985

    1985

    Aquisição do negócio de pneus da empresa austríaca, Semperit.

    Continental Brands


    História da empresa

    Close
    1987

    1987

    Aquisição do fabricante norte-americano de pneus General Tire, Inc. A empresa opera com o nome Continental Tire North America, Inc., desde 2001.

    Continental Brands


1988
1994

    História da empresa

    Close

    1988

    A Continental tem um efetivo de 45 900 trabalhadores em todo o mundo. As vendas anuais alcançam os 7,9 mil milhões de marcos alemães, o que corresponde a cerca de 4,0 mil milhões de euros.

    1991


    História da empresa

    Close
    1989

    1989-90

    ​​​​​​​É criada uma joint venture com a empresa portuguesa Mabor para a produção de pneus em Lousado. A Continental adquire a empresa na totalidade em 1993.

    1991


    História da empresa

    Close
    1991

    1991

    Com o seu pneu ContiEcoContact, a Continental é o primeiro fabricante a lançar um pneu para ligeiros amigo do ambiente.

    O negócio de produtos industriais é reorganizado, sob a marca geral ContiTech.

    1991


    História da empresa

    Close
    1993

    1993

    A participação maioritária na empresa checa Barum inclui uma fábrica de pneus de veículos ligeiros e comerciais, em Otrokovice, bem como uma organização de revendedores com cerca de 50 estabelecimentos.

    A Continental tem atualmente mais de 2200 revendedores e franchises, incluindo várias organizações de revenda, como a Vergölst.

    1991


    História da empresa

    Close
    1994

    1994

    A Benecke-Kaliko AG é integrada no departamento da ContiTech. Os seus principais produtos são o couro sintético e as películas.

    1991


1995
2001

    História da empresa

    Close
    1995

    1995

    É estabelecido o departamento de sistemas automóveis para intensificar o negócio de sistemas com a indústria automóvel.

    Continental Brakes


    História da empresa

    Close
    1997

    1997

    A Continental apresenta o ISAD (Integrated Starter Alternator Damper - Amortecedor integrado do alternador do motor de arranque). O ISAD combina o motor de arranque e o gerador do veículo numa só unidade. Esta tecnologia chave é uma pré-condição necessária para sistemas de propulsão híbridos que ajudam a reduzir substancialmente o consumo e as emissões de combustível.

    Continental Brakes


    História da empresa

    Close
    1998

    1998

    Aquisição da unidade de travões e chassis de uma empresa norte-americana com negócios em todo o mundo, cuja empresa principal é a Alfred Teves GmbH, em Frankfurt am Main.

    Continental Brakes


    História da empresa

    Close
    1998-99

    1998 - 99

    A Continental reforça a sua posição como fabricante de pneus de nível mundial, criando novas localizações na Argentina, México, África do Sul e Eslováquia. 

    São tomadas medidas para a internacionalização da atividade da ContiTech no Brasil, Chile, México e Hungria.

    Continental Brakes


    História da empresa

    Close
    2000

    2000

    ​​​​​​​É aberta uma nova fábrica para o fabrico de pneus de ligeiros em Timisoara, na Roménia. 

    A Continental e a Nisshinbo criam uma nova joint venture (Continental Teves Corporation) no campo dos sistemas de travões e chassis para os mercados japonês e coreano.

    Continental Brakes


    História da empresa

    Close
    2001

    2001

    A Continental reforça as suas atividades dentro do mercado emergente da eletrónica em automóveis, adquirindo a Temic, uma empresa internacional especialista em sistemas eletrónicos (fotografia: a Continental reforça a sua posição global com a fábrica de Nuremberga).

    Continental Brakes


2002
2007

    História da empresa

    Close
    2003

    2003

    A Continental tem um efetivo de 68 000 trabalhadores em todo o mundo. O valor total das vendas anuais é de 11,5 mil milhões de euros.

    ​​​​​​​Apresentação ao público do ContiSportContact 2 Vmax, o primeiro pneu de estrada do mundo a ser aprovado para velocidades até 360 km/h.

    ​​​​​​​A Continental reforça a sua posição como fabricante de pneus na região da ANSEA (Associação de Nações do Sudeste Asiático), criando a joint venture Malaysian Continental Sime Tyre.

    2003


    História da empresa

    Close
    2004

    2004

    Aquisição da Phoenix AG. Com a fusão da ContiTech com a Phoenix, o maior especialista de tecnologia de borracha e plásticos evolui (fotografia: fábrica na Hungria).

    2003


    História da empresa

    Close
    2006

    2006

    A Continental adquire o negócio de sistemas eletrónicos para automóveis da empresa americana Motorola, Inc., expandindo as suas atividades em telemática, entre outros campos.

    2003


    História da empresa

    Close
    2007

    2007

    A Continental adquire a Siemens VDO Automotive AG e torna-se um dos cinco maiores fornecedores da indústria automóvel a nível mundial, reforçando simultaneamente a sua posição de mercado na Europa, América do Norte e Ásia.

    Com a aquisição de participação maioritária na empresa eslovaca Continental Matador Rubber s.r.o., a Continental amplia a sua posição de mercado na Europa Central e de Leste.

    2003


2008
2019

    História da empresa

    Close
    2009

    2009

    É aberta a nova sede asiática, bem como um centro de pesquisa e desenvolvimento em Xangai. O centro é mais um marco importante no crescimento da empresa na China e na Ásia. 

    A Schaeffler KG torna-se a principal acionista da Continental AG após a conclusão da oferta de aquisição emitida no verão de 2008.

    2013


    História da empresa

    Close
    2010

    2010

    O ContiSportContact™ 5 P é lançado no mercado. O novo pneu de verão de elevado desempenho é especialmente concebido para carros desportivos e veículos personalizados.

    2013


    História da empresa

    Close
    2011

    2011

    É aberta e primeira fábrica de pneus na China, em Hefei (província de Anhui).

    Aquisição do negócio de pneus da Modi Tyres Company Ltd., com sede na Índia e instalações de produção em Modipuram e Partapur.

    ​​​​​​​É iniciada a produção de motores elétricos na fábrica de Gifhorn, na Baixa Saxónia, na Alemanha.

    2013


    História da empresa

    Close
    2012

    2012

    São iniciados testes abrangentes de condução automatizada no estado de Nevada, nos EUA. Um veículo de teste altamente automatizado da Continental fez mais de 15 000 milhas de estradas públicas até ao momento, sem quaisquer acidentes.

    2013


    História da empresa

    Close
    2013

    2013

    É lançada a nova imagem de marca Continental na reunião anual dos acionistas.

    A ContiLifeCycle cobre o ciclo de vida dos pneus de camiões Continental. Utilizando uma combinação única de reciclagem de borracha e recauchutagem de pneus de camião, a Continental desenvolve uma solução sustentável que aumenta a vida útil dos pneus, diminuindo consideravelmente os custos.

    2013


    História da empresa

    Close
    Exhaust aftertreatment systems

    2014

    O efetivo global de trabalhadores da empresa ultrapassa os 189 100 trabalhadores pela primeira vez. As vendas anuais alcançam os 34,5 mil milhões de euros.

    2013


    História da empresa

    Close
    Veyance Technologies product line

    2015

    Aquisição da Veyance Technologies, uma empresa da área da tecnologia de borrachas e plásticos. As correias transportadoras, de transmissão e mangueiras constituem os principais produtos das 27 fábricas em todo o mundo.

    Compra da Elektrobit Automotive GmbH, especialista em soluções inovadoras de software. Os pontos centrais do desenvolvimento incluem as soluções eficazes para funções complexas de veículos como, por exemplo, sistemas de assistência ao condutor e de info-entretenimento.

    2013


    História da empresa

    Close
    48V Eco Drive by Continental

    2016

    Pela primeira vez, a Continental apresenta um semi-híbrido de 48 V com um sistema de gestão de energia conectada. Comparativamente ao modelo base Golf VI com motor TSI 1,2 l e caixa automática start/stop de 12 V, poupa-se 21% em combustível.

    2013


    História da empresa

    Close
    R&D center in Silicon Valley, U.S.A.

    2017

    Abertura do novo centro de investigação e desenvolvimento em Silicon Valley, EUA. Este contará com especialistas de todas as áreas da empresa a trabalhar para encontrar soluções pioneiras para a mobilidade sustentável do futuro.

    ​​​​​​​Com a Argus Cyber Security, e de forma a expandir as competências na área da segurança de TI para veículos, a Continental assume o papel de fornecedor líder mundial nesta área.

    Com a aquisição do Grupo Hornschuch, especialista em materiais de superfície, vamos fortalecer o nosso negócio fora da indústria automóvel, uma vez que mais de metade do volume de vendas será gerado pela Hornschuch através das aplicações industriais.

    2013


    História da empresa

    Close
    OSRAM Continental GmbH

    2018

    A Osram Licht AG e a Continental irão fundar a Joint Venture Osram Continental GmbH, em que cada parceiro terá uma participação de 50%. Sob o controlo da Osram, a empresa vai criar as condições para a mudança tecnológica do mercado da iluminação na indústria automóvel.

    ​​​​​​​Abertura do laboratório de investigação e experimental "Taraxagum Lab Anklam" em Anklam, Mecklemburgo-Pomerânia Ocidental. É lá que serão investigados o cultivo e o tratamento do dente-de-leão russo enquanto fonte de matéria-prima alternativa à seringueira.

    2013


    História da empresa

    Close
    Continentals neue Hauptverwaltung

    2019

    Cerimónia de inauguração da nova sede em Hannover, Alemanha. Oito edifícios ligados entre si fornecerão espaço para 1.250 funcionários na primeira fase de expansão. No novo campus da Continental, os funcionários terão espaços verdes, um centro de saúde e uma creche interna à disposição. A conclusão da nova sede está prevista para coincidir com o aniversário dos 150 anos da empresa em 2021.

    Em 31 de dezembro de 2019, a Continental empregava mais de 240.000 pessoas em 59 países e mercados.

    2013